IPG vai iniciar pós-graduação na área da logística

IPG vai iniciar pós-graduação na área da logística

O Instituto Politécnico da Guarda (IPG) vai ter um curso de pós-graduação em Logística, criado em parceria com a Associação dos Transitários de Portugal (APAT) e com empresas especializadas no setor, foi ontem anunciado.

Segundo o IPG, o novo curso de especialização avançada “irá preparar quadros de empresas em gestão, transporte e distribuição, para que possam responder eficazmente aos desafios que surjam na região”.

A formação será a primeira iniciativa do protocolo que foi assinado ontem entre as duas instituições, no âmbito da conferência “Portos secos & terminais rodo ferroviários”.

“Decidimos ser proativos quanto à nossa oferta formativa quando ficou claro que a instalação de um Porto Seco na Guarda-Gare irá finalmente avançar: este é um projeto que será fundamental para aumentar a competitividade das empresas da região”, afirma Joaquim Brigas, presidente do IPG.

O responsável acrescenta, em comunicado, que a instituição que lidera procurou empresas com larga experiência em planeamento e armazenamento de mercadorias, transporte e distribuição, para desenhar uma formação “adaptada às necessidades da indústria e que responda aos serviços diferenciados que uma infraestrutura logística como um Porto Seco irá exigir”.

Na lista de parceiros da pós-graduação em Logística incluem-se as empresas Olano, Coficab, Fly MP, Transportes Bernardo Marques, Casa da Prisca, Sodecia, Dura, José Limão e a ACI, segundo a fonte.

A nota adianta que, “em conjunto com o IPG, estas empresas vão formar quadros que possam responder eficazmente a desafios em áreas como produção, inventários, gestão de frotas ou transportes”.

A nova formação será lecionada entre as instalações do IPG e as empresas parceiras e irá contar com ‘workshops’ e seminários.

O IPG viu ainda, recentemente, aprovado um Curso Técnico Superior Profissional (CTeSP) também em Logística, para capacitar profissionais nesta área, que terá início no ano letivo de 2021/2022.

No próximo ano letivo, o Politécnico da cidade mais alta do país irá acrescentar à sua oferta formativa a abertura de seis novos CTeSP: Gestão de Informação Geoespacial e Análise de Dados (Escola Superior de Tecnologia e Gestão), Educação de Adultos, Multimédia e Artes Performativas, Relações Públicas para o Turismo e Guias de Natureza (Escola Superior de Educação, Comunicação e Desporto).

“O IPG continua a apostar numa forte inovação educativa e a adaptar-se às necessidades do mercado”, afirma o seu presidente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *