relações internacionais

Belmonte prepara-se para ter consulado brasileiro

Troca de cônsul em Lisboa atrasou o processo

Belmonte prepara-se para ter consulado brasileiro
FOTO: CM Belmonte

Portugal deve ter até o final do ano, o quarto consulado do Brasil. Além de Lisboa, Porto e Faro, a região também será beneficiada com a criação do consultado no concelho de Belmonte. As negociações estão adiantadas e só não foram concluídas porque o Brasil trocou recentemente de embaixador e cônsul em Lisboa.

As negociações iniciaram em 2019, após uma visita do deputado brasileiro Josias da Vitória ao concelho. No fim de 2019, o Ministério das Relações Exteriores deu o aval para que as negociações avançassem junto a embaixada.

A escolha de Belmonte é, sobretudo, simbólica, por ser a terra natal de Pedro Álvares Cabral. Mas o objetivo da Embaixada Brasileira é melhorar o atendimento dos brasileiros em Portugal que vivem no interior. O consulado deverá atender os distritos de Castelo Branco, Guarda, Viseu e Portalegre, onde residem cerca de 5 mil brasileiros.

O consulado ficará no Centro de Belmonte, em um local disponibilizado pela autarquia. Para o presidente da Câmara, António Rocha, a vinda da estrutura do governo brasileiro reforça as ligações culturais com o país.

“O consulado honorário é de enorme importância para toda a vasta comunidade que vive no  interior do país. É para responder aos anseios dos muitods brasileiros que escolheram esta região para viver que estamos a trabalhar… e Belmonte pela sua ligação cultural, entendeu que tinha de estar na linha da frente nesta resposta”, afirma Rocha.

Redação Viva Serra

Entre em contato com a redação do Viva Serra | jornalismo@redevivacidade.com