sociedade

150 mil euros de material furtado foram apreendidos pela GNR de Alcains

Eletrodomésticos, mobiliário, ferramentas elétricas, vestuário e um trator entre os objetos apreendidos

150 mil euros de material furtado foram apreendidos pela GNR de Alcains

Um investigação que decorria há um ano permitiu à GNR de Alcains identificar dois homens responsáveis por furtos em residências, armazéns de construção civil e propriedades agrícolas no concelho de Castelo Branco.

Segundo comunicado enviado às redações os indivíduos, de 38 e 42 anos, estavam sob investigação há “cerca de um ano” e “atuavam em rede por toda a zona interior de Portugal”. Após efetuarem os furtos “escondiam os bens num armazém isolado e posteriormente escoavam o material furtado”, segundo apuraram as autoridades.

As buscas levadas a cabo pelos militares culminaram na recuperação de “mais de um milhar de artigos furtados e avaliados em cerca de 150 mil euros”, de acordo com a mesma nota. A lista de materiais apreendidos inclui um trator agrícola, ferramentas elétricas (entre as quais martelos pneumáticos, rebarbadoras, berbequins, máquinas de lavagem de alta pressão, sopradores, geradores e compressores), ferramentas e utensílios agrícolas (como alfaias agrícolas, motores de rega, bombas de água, motorroçadoras, motosserras e máquinas de sulfatar), electrodomésticos, artigos de mobiliário e decoração, peças de vestuário, ferramentas e utensílios utilizados na construção civil (tais como carros-de-mão, betoneiras e sacos de cimento), baterias de automóvel, garrafas de gás e depósitos de combustível, lê-se ainda na mesma nota.

Os suspeitos foram constituídos arguidos, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Castelo Branco.

Redação